Google+ Três Conselhos Para Vencer a Depressão - Rabiscos de Deus - Romance de Aluisio Nogueira

quinta-feira, 28 de fevereiro de 2013

Três Conselhos Para Vencer a Depressão

Foto
Por que estás abatida, ó minha alma? E por que te perturbas dentro de mim? Espera em Deus, pois ainda o louvarei... Salmo 42:11


Esta mensagem foi escrita para quem anda deprimido ou sofrendo com a perda de muitas batalhas, e necessita desesperadamente de estratégias para ganhar uma guerra. Quero dizer que não importa a situação em que você se encontra, posso profetizar que há certeza de vitória para você, desde que leia os conselhos, guarde e os ponha em prática.

Primeiro conselho: não fique preso ao passado.Se a causa dos problemas está no passado (e não vou fazer uma lista) cada vez que você fica olhando para trás, um pensamento de amargura pode invadir seu coração. Posso ilustrar isso com o caso do enterro do gato.

Morreu o gato de uma família e as crianças combinaram fazer um enterro
solene para o bichano. Como gostaram muito da brincadeira, decidiram deixar o rabo dele prá fora. No outro dia repetiram o enterro. Outra vez deixaram o rabo do gato de fora. A cada enterro, porém, o mau cheiro ia ficando insuportável, até que resolveram parar.

Você não vai conseguir resolver seus problemas ou sair deles, se todo dia ficar desenterrando um "gato" que está no seu passado. Esta decisão foi-me muito útil e este conselho está na Bíblia em Filipenses 3:13 e 14. Examine. Deus quer que mude seu olhar para o futuro, pois será de lá que virão suas vitórias.

Segundo Conselho: Oração e exercícios físicos. A oração é a chave que abre a porta do Céu. Mas há duas condições para orar e ser ouvida/o. Se você ainda não aceitou Jesus como Senhor de sua vida, vá ao Culto da Igreja Evangélica mais próxima, e diga ao pastor que precisa reconciliar-se com Deus - aceitar Jesus. Se você estiver afastado da fé por algum problema, procure a Igreja onde se afastou, se ela for próxima, e volte para Jesus. Por que é preciso fazer isto? Resposta: Evangelho de João 9:31.

"Ora, nós sabemos que Deus não ouve a pecadores; mas se alguém é temente a Deus e faz a sua vontade, a esse ouve".

Se você não se enquadra nas duas situações anteriores e está debaixo da maior luta, não se desespere. Os dias no Vale são tempos de preparação para a melhoria do caráter do cristão e para que ele esteja preparado para bênçãos maiores que estão próximas. Na Bíblia quem passou por isso foi Jó: depois da grande aflição ele ganhou de Deus o dobro de tudo que possuía.

Durante os 11 anos de grande desemprego que passei onde as coisas não davam certo, eu fazia regularmente longas caminhadas em uma rua calma próxima de casa. É provado pela medicina que os exercícios físicos estimulam a produção endorfina pelo cérebro. Durante essas caminhadas eu orava. Na Bíblia há uma pessoa que fez uma longa caminhada em tempos de depressão: o profeta Elias em 1Reis 19:4 ao 7.

O tempo que você passa em comunhão (conversando) com Deus é o tempo que Ele vai ajudá-la/o a resolver seus problemas. Ele sabe perfeitamente tudo sobre eles, mas cabe a você a iniciativa de procurá-LO. O que muita gente não sabe é que o SENHOR tem interesse em manter um relacionamento firme conosco para abençoar-nos - como fez com Jó - enquanto que a nossa realidade mostra que não temos muito interesse em conversar (orar) e construir um relacionamento vitorioso com ELE.

Terceiro Conselho: Não fique desocupado. Ao longo da Bíblia podemos ver Deus observando um padrão para escolher (muitos são os chamados, poucos os escolhidos) pessoas para liderança. Posso afirmar que este padrão é o trabalho. Em um processo de escolha Deus nunca separou alguém para uma vida vitoriosa, entre gente ociosa. Talvez porque pessoas ociosas além de nada fazerem desenvolvem o mau hábito de uma língua extremamente crítica - o que pode ser visto nas duas conversas entre Deus e satanás nos dois primeiros capítulos do Livro de Jó.

Uma das principais razões porque há tanta gente triste, amargurada, deprimida entre cristãos é a falta de ocupação ou a recusa de assumir responsabilidades na obra do Senhor. Ora, se a presença do Espírito Senhor na vida do crente traz alegria, qual será o motivo de tantas faces tristes, amarguradas e deprimidas? Deve ser que, quando recusamos a nos ocupar com as atividades de nosso chamado, entristecemos o Espírito Santo, dia após dia, até que fiquem de resto as cinzas de uma brasa que se apagou lentamente. Na Bíblia estude o primeiro capítulo do Livro de Josué.

O sorriso da vitória: Não traga o passado para o presente; olhe para frente. Reconcilie-se com Deus para que sua oração seja ouvida; não deixe de praticar exercícios físicos. Procure envolver-se e assumir responsabilidades na Casa do Senhor. Fique firme, não desanime, porque você vai ganhar esta guerra. Olhe bem para esta foto. Pela fé posso ver o mesmo sorriso em você, se ouvir o que o Espírito do Senhor tem falado.

Autor: João Cruzué
Divulgação: EstudosGospel.Com.BR

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Parceiros - Divulgadores - Blogs Femininos

Os melhores links FEMININOS Colmeia: O melhor dos blogs Tedioso: Os melhores links Linkerama: Os melhores blogs da Internet estão aqui! Seus links em um só lugar! Fake - O agregador de links mais Original da Net EuTeSalvo - Salvando os melhores blogs! Tecnogospel: Os melhores links evangélicos Clic+ Os Melhores Links da Internet para Você LinkLog Linka Blog Está no seu momento de descanso né? Entao clique aqui!
Permissões

Você está autorizado a reproduzir e divulgar este material em qualquer formato, desde que informe o autor e a fonte, inclusive o nosso blog, sem alterar o conteúdo da matéria original e não utilizar para fins comerciais.

Importante

As opiniões e noticiais aqui divulgadas não refletem necessariamente nossa opinião. Por essa razão, as matérias polêmicas acompanham nossa opinião ao final da matéria. Nós divulgamos as notícias de forma imparcial, com o objetivo de que o leitor tire suas conclusões, porém, deixamos clara nossa posição pelo Genuíno Evangelho de Cristo.

Liberdade de Expressão

É importante esclarecer que este BLOG, em plena vigência do Estado Democrático de Direito, exercita-se das prerrogativas constantes dos incisos IV e IX, do artigo 5º, da Constituição Federal. Relembrando os referidos textos constitucionais, verifica-se: “é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato" (inciso IV) e "é livre a expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação, independentemente de censura ou licença" (inciso IX). Além disso, cabe salientar que a proteção legal de nosso trabalho também se constata na análise mais acurada do inciso VI, do mesmo artigo em comento, quando sentencia que "é inviolável a liberdade de consciência e de crença". Tendo sido explicitada, faz-se necessário, ainda, esclarecer que as menções, aferições, ou até mesmo as aparentes críticas que, porventura, se façam a respeito de doutrinas das mais diversas crenças, situam-se e estão adstritas tão somente ao campo da "argumentação", ou seja, são abordagens que se limitam puramente às questões teológicas e doutrinárias. Assim sendo, não há que se falar em difamação, crime contra a honra de quem quer que seja, ressaltando-se, inclusive, que tais discussões não estão voltadas para a pessoa, mas para idéias e doutrinas.tais discussões não estão voltadas para a pessoa, mas para idéias e doutrinas.

Seguir

assine o feed

siga no Twitter

Postagens

acompanhe

Comentários

comente também

Recomendamos